Evento totalmente online acontece de 1º a 21 de setembro e busca alternativas, ideias inovadoras e soluções reais que minimizem os impactos da pandemia

Bom Gourmet realiza o Hack pela Gastronomia para impulsionar
setor de alimentação fora do lar

Evento totalmente online acontece de 1º a 21 de setembro e busca alternativas, ideias
inovadoras e soluções reais que minimizem os impactos da pandemia no setor de food
service. O Hack contará com uma série de talks e um hackathon de cinco dias
Como serão os espaços de consumo de alimentos no pós-Covid? Que modelos de
negócios na área de alimentação serão viáveis e saudáveis? Como se aproximar de um
cliente sem nem ao menos vê-lo? Os questionamentos e desafios que rondam a cadeia de
food service são muitos neste momento, mas existe uma certeza: a pandemia será um
divisor de águas no mundo da alimentação fora do lar. E é pensando em trazer respostas
para estas questões que o Bom Gourmet realiza, em setembro, o Hack pela Gastronomia.

O Hack contará com uma série de talks temáticos sobre o mercado de alimentação fora do
lar, realizados entre os dias 1º e 9 e um hackathon de cinco dias, entre 12 e 16 de
setembro, com o objetivo principal de buscar soluções reais para o food service, tendo em
vista todas as mudanças causadas pela pandemia. “Como plataforma de desenvolvimento
de conteúdo vivemos o dia a dia dos restaurantes, da indústria e das pessoas, que estão se
reinventando em casa. Mas além de debater, com o hackathon vamos procurar ações
práticas, processos e produtos que possam servir para o mercado. Buscamos uma
metodologia que é complementar àquilo que fazemos, que é promover o debate e a
discussão.

Com o Hack queremos partir para a ação, criar um grande banco de
oportunidade e ideias, para que toda a cadeia possa se desenvolver ainda mais diante de
um momento tão desafiador”, explica Andrea Sorgenfrei, Head da Pinó, nova unidade da
Gazeta do Povo que promove as marcas Bom Gourmet, GazzConecta e HAUS .

Talks Temáticos

Num formato 100% online, o Hack pela Gastronomia será uma verdadeira maratona online
que se iniciará com talks sobre os diversos temas e desafios do setor. “Mais do que nunca,
hoje o Bom Gourmet participa como agente transformador do mercado de alimentação fora
do lar. Com foco em produzir conteúdo e outras soluções para toda a cadeia, da indústria
ao restaurante, o Bom Gourmet Negócios trabalha como parceiro do setor. Estamos
próximos e atentos às necessidades do segmento, atuação que ganhou ainda mais
importância com a pandemia que afetou a maioria dos negócios”, afirma Talita Boros Voitch, editora do Bom Gourmet Negócios.

Os talks, que trarão grandes nomes do mercado, entidades representantes dos diversos
setores de food service e chefs, acontecem entre os dias 1º e 9 de setembro e além de
levar informação aos espectadores servirão de base para os participantes do hackathon, já
que abordarão temas referentes aos cinco desafios propostos: Negócios, Comportamento,
Comunicação, Espaço e Tecnologia. O link para acompanhar os talks poderá ser acessado
no site www.hackpelagastronomia.com.br.

Hackathon 100% online

Entre os dias 12 e 16 de setembro ocorrerá o hackathon, que será totalmente online e com
participação gratuita aberta a todo Brasil. “Nesse momento de incertezas e transição, muitas
empresas e profissionais do setor gastronômico precisam inovar, se adaptar. Mas pra quem
está dentro do negócio, às vezes é muito difícil conseguir pensar diferente, ver
possibilidades. Nesse cenário, um evento de hackathon ajuda muito, porque busca, de
forma criativa, solucionar problemas. Nós formamos pequenos times multidisciplinares que
precisam desenvolver soluções que sejam viáveis para os desafios propostos”, explica Ana
Maia, co-fundadora da Panic Lobster, plataforma que fará a operação do Hack pela
Gastronomia.

O hackathon é voltado para profissionais da área de gastronomia, negócios, comunicação,
marketing, UX/Design, tecnologia, programação, engenharias, finanças, professores,
estudantes, pesquisadores e a comunidade como um todo. Os participantes poderão
escolher uma das cinco categorias: Negócios, Comportamento, Comunicação, Espaço e
Tecnologia.

Cada uma delas contará com desafios específicos, e as equipes deverão
escolher apenas um para propor uma solução.
As inscrições, que estarão abertas entre 1º e 9 de setembro, podem ser feitas
individualmente ou com um time já formado. Quem se inscrever sozinho, será direcionado a uma equipe de acordo com seu perfil e a categoria que escolher. Startups com soluções
prontas podem participar do hackathon oferecendo mentorias para as equipes, e poderão
disponibilizar o pitch no banco de soluções final.

Para ajudar as equipes no desenvolvimento das ideias, o hackathon irá utilizar metodologias ágeis aplicadas a gestão de projetos e produtos. A maratona será dividida em etapas que
vão desde a ideação, passando pela prototipagem e culminando na apresentação final da
solução criada. Nesse processo, a todo momento, os times serão acompanhados por
mentores de diversas áreas do conhecimento.
As três melhores soluções serão conhecidas no dia 21 de setembro, durante uma live
realizada pelo Bom Gourmet. Porém, mais que premiar os melhores times, a maior
contribuição do Hack pela Gastronomia será formar um grande banco aberto de ideias que
irá beneficiar todo o setor de alimentação fora do lar.

Incentivo do Facebook

A iniciativa do Bom Gourmet faz parte de um projeto apresentado pela Gazeta do Povo ao
Facebook Journalism Project (FJP) que, em parceria com o Centro Internacional para
Jornalistas (ICFJ, em inglês), lançou um fundo de US$ 2 milhões para ajudar as
organizações de notícias na América Latina durante a crise de COVID-19.
O Hack pela Gastronomia pretende auxiliar as micro e pequenas empresas locais a
reinventarem seus negócios com produção de conteúdo confiável e de qualidade em
diversas mídias. O objetivo é jogar luz nas iniciativas de transformação em tempos de
coronavírus e dar apoio àquelas que precisam de ajuda e não sabem como mudar para se
adaptar.
O projeto foi aprovado para receber o aporte máximo do FJP, que ia de US$ 10 mil a US$
40 mil, além de orientação e treinamento digital. A Gazeta do Povo faz parte de uma seleta
lista de 44 veículos de comunicação de 12 países da América Latina que receberam os
recursos da empresa.
Bom Gourmet
A maior plataforma de gastronomia do Brasil – com mais de 1,1 milhão de page views/mês,
mais de 1 milhão de visitantes únicos/mês e 230 mil seguidores em suas redes sociais – o
Bom Gourmet é referência quando o assunto é alimentação e tem como missão informar o
consumidor e fomentar e desenvolver o setor. Em 2020, iniciamos nossa expansão para a
região sul e nos tornamos uma spin off focada em negócios e tendências em gastronomia.
Para o consumidor, somos referência na cultura gastronômica e criamos laços afetivos
entre eles e o mercado. Para o trade, entregamos diversas soluções voltadas para a
capacitação do business e seus profissionais.
Patrocínio
O Hack pela Gastronomia conta com o Patrocínio Master da Compra Food Service,
Paganini, Gold Food Service e Connecty Pay. Os desafios são patrocinados pela Jasmine e
Electrolux e os talks pela Compagas e Ouro Fino.

Cronograma

1º a 9 de setembro: Talks temáticos + inscrições para o hackathon
10 e 11 de setembro: Formação dos times
12 a 16 de setembro: Hackathon
18 a 20 de setembro: Avaliação dos jurados
21 de setembro: Live com a divulgação das melhores ideias do
Saiba mais:
https://hackpelagastronomia.com.br/
https://www.gazetadopovo.com.br/bomgourmet/hack-pela-gastronomia/

Contatos:

Bom Gourmet – Flávia Alves
41 99918-0028 / flaviaalves@gazetadopovo.com.br
Dúvidas sobre o hackathon: Panic Lobster
41 99924-0536 / ana@